(17) 99769-5041 (17) 3281-5055
Em 2009 surgia a epidemia da gripe H1N1 | Informativos | Pharmacia Alquimia

Em 2009 surgia a epidemia da gripe H1N1

A epidemia passou, mas a gripe permaneceu Em 2009 surgia a epidemia da gripe H1N1 - a famosa gripe suína - que matou cerca de 18 mil pessoas segundo a OMS (Organização Mundial da Saúde). Várias medidas preventivas foram tomadas pra que a doença não fizesse mais vítimas: desde hábitos higiênicos até a produção de sua vacina. O susto da epidemia passou mas o vírus permaneceu, e a gripe suína voltou a atacar esse ano. No estado de São Paulo um a cada cinco paulistas que contraíram a gripe morreram - uma porcentagem de 20,75% que preocupa os médicos. Nesta época do ano em 2011, não havia registrado nenhuma morte por gripe suína. No país o número de casos já é quase o triplo do que foi registrado no ano passado inteiro. Outros estados que já tiveram mortes por H1N1 este ano são Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e Mato Grosso do Sul. Em vista disso, os órgãos de saúde procuram ressaltar a importância de hábitos simples, mas que são indispensáveis para se proteger da doença como: Manter arejado ambientes de uso coletivo (ônibus, salas de aula, escritórios), proteger o nariz e a boca com lenço descartável quando espirrar ou tossir e sempre lavar as mãos com água e sabão. O álcool em gel de uso cosmético também é uma ótima forma de higienização contra o vírus. Essa rotina é indispensável durante todo o ano, em especial no inverno. É nessa época, normalmente, que se registram mais casos de doenças respiratórias como a gripe A/H1N1 que, apesar de já ser uma doença sazonal (relativo à estação do ano), está tendo um número maior de casos esse ano com relação ao anterior. O álcool gel é um produto indicado para a antissepsia (método que impede a proliferação de microorganismos) das mãos como preventivo contra vírus e bactérias, sem a necessidade de usar água e sabão ou mesmo toalha de secagem. Ao entrar em contato com a pele o gel elimina 99,9% dos vírus e bactérias em questão de segundos.Sua ação acaba instantaneamente após a secagem e caso o indivíduo se exponha a outros fatores de contaminação, deve reaplicar o produto. Com a pandemia da gripe suína provocada pelo vírus H1N1, o produto passou a ser recomendado oficialmente como fator de prevenção contra a doença pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde do Brasil. Por Lívia Lago.

Redes Sociais

Facebook
Twitter
#
Instagram

Contatos

(17) 3281-5055

(17) 99769-5041

Onde Estamos

Rua Dr. Antônio Olímpio, 557, Centro - CEP: 15400-000 - Olímpia-SP

Ver no Mapa

WhatsApp